No Announcement posts

Clique no símboloem cada um dos elementos para obter mais informações.

Sobre o Grupo:

O Graduale – Música Sacra de Aveiro é um grupo de amigos músicos de Aveiro que, partilhando do gosto pelo canto e pela música coral, decidiu preencher a lacuna na cidade deste estilo musical, formando um grupo dedicado ao estudo e desenvolvimento da Música Sacra. Fundado em 1997, instituído em 24 de junho desse ano como Associação Cultural, com personalidade jurídica e com a finalidade de promover e divulgar o tesouro da Música Sacra, da região de Aveiro e de todo o País, o Graduale é hoje um elemento imprescindível para o desenvolvimento desta vertente, numa cidade em que a música desempenha um papel preponderante na sua atividade cultural. Desde a sua criação, o Graduale pretendeu ser um coro de câmara masculino, tendo-se apresentado ao longo dos anos em concertos em todo o país de alto nível, quer a capella, quer com outros agrupamentos corais e instrumentais, com particular representação na Região Centro.

O nome do grupo foi inspirado no do livro que descreve o rito romano e reúne as partes corais da missa – Graduale Romanum – bem como na antífona com o mesmo nome, originária dos Salmos e cantada entre a Epístola e o Evangelho. Originalmente, o Graduale era um cântico gregoriano, dos mais ornamentados e melismáticos. Complementarmente, o termo também se refere ao ato de subir ao altar (gradus = degraus) para cantar.

Numa procura incansável pela qualidade e pelo rigor, os elementos ensaiam semanalmente na Casa da Cultura da Câmara Municipal de Aveiro. Graças à formação musical de todos os elementos, o grupo consegue hoje desenvolver um trabalho contínuo, numa filosofia de autocrítica e de desenvolvimento sustentado.

Ao longo do seu percurso artístico o Graduale promoveu em 2001 e 2005 os Encontros de Música Sacra em Aveiro (conjunto de concerto com ensembles e orquestras de vários países), realizou um périplo na Ilha de São Miguel nos Açores em 2001, entre 1997 e 2005 participou em mais de 100 recriações históricas em parceria com diversas entidades (autarquias, agrupamentos de escolas, associações culturais, etc.) de Portugal. Todas estas atividade em paralelo com apresentações regulares em vários espaços culturais do país. Por outro lado, tem colaborado com a Câmara Municipal de Aveiro em grandes eventos culturais na cidade. Como por exemplo o concerto “2000 vozes” (na passagem de ano 1999 para 2000), a comemoração em 2010 dos 100 anos da Implantação da República e, mais recentemente, do concerto do 187.º aniversário da Revolução de 16 de maio de 1828, lembrando os aveirenses que sacrificaram a vida por Portugal e ficaram conhecidos como “Mártires da Liberdade”.

Em março de 2016 apresentou na Sé Catedral de Aveiro o Requiem em Ré menor de Luigi Cherubini, obra coral sinfónica escrita para coro masculino, com o acompanhamento musical da Orquestra Filarmonia das Beiras.

Ao longo dos seus anos de existência, muitos foram os cantores e músicos que por ele passaram e que, embora tenham hoje carreiras musicais de sucesso, mantêm ainda a ligação ao grupo. Outros houve que, por motivos pessoais ou profissionais, abandonaram o grupo mas que, volvidos alguns anos, regressaram para satisfazer o seu gosto pelo canto coral. Desde a sua fundação, o Graduale mantém a sua postura de abertura a todos os antigos e potenciais novos coralistas.

Corpos Sociais:

Biénio 2016-2018

Assembleia Geral
Presidente – Vítor Lopes
1.º Secretário – Fernanda Monteiro
2.º Secretário – Patricia Monteiro

Direção
Presidente – João Monteiro
Secretário – Tiago Silva
Tesoureiro – Luís Neves
Vogal – António Paiva
Vogal – Sebastião Barbosa

Conselho Fiscal
Presidente – Carlos Miranda
1.º Secretário – Pedro Correia
2.º Secretário – Sofia Paiva

Conselho Artístico
João Monteiro
Luís Neves
Carlos Miranda

 

TENHA O GRUPO GRADUALE NO SEU EVENTO

Conheça todos os serviços de excelência que disponibilizamos!

VOLTAR AO MENU